Colaboradores da Santa Casa de Sobral participam de capacitação no Hospital Albret Einstein

scmseinsten (6)

Da esquerda para a direita: Lucila Albuquerque, Rosimayre Marques, Zózimo Medeiros, Neudimar Bastos, Rejânia Ávia e Milena Abreu.

A Santa Casa de Misericórdia de Sobral (SCMS) participou, nos dias 7 e 8 deste mês, do curso de capacitação de gestores e profissionais de saúde em QUALIDADE E SEGURANÇA DO PACIENTE, com uso de simulação realística – VIGIPÓS. O evento aconteceu no Centro de Simulação Realística do Hospital Albert Einstein, São Paulo, em parceria com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

O grupo composto pelo Diretor Administrativo, Zózimo Medeiros, a Diretora do Serviço de Enfermagem, Lucila Albuquerque, a Coordenadora do Serviço de Enfermagem da Emergência, Milena Abreu, a Coordenadora do Serviço de Enfermagem do Centro Cirúrgico, Rosimayre Marques, a Coordenadora do Serviço de Enfermagem da Unidade Dom Walfrido Rejânia Ávila e o farmacêutico Neudimar Bastos, da Gerência de Risco,  que participou do evento, teve sua viagem e estada custeada integralmente pelo Ministério da Saúde em parceria com Hospital Albert Einstein.

 

O Curso inovador contemplou aulas teóricas com abordagem dos temas de Segurança do Paciente no contexto da Política de Vigilância de Risco, Metas e Segurança do Paciente, Gestão da Qualidade e Segurança do Paciente e Ciclo do Sangue, mesclados com práticas monitoradas voltadas para análise de causa raiz de incidentes transfusionais, além das discussões acerca da Retrovigilância e Tecnovigilância.

 

O curso disponibilizou, ainda, práticas pedagógicas, com participação ativa dos alunos, voltada para a simulação realísticas adotando cinco cenários, em eventos adversos variados, com foco nos pilares que sustentam o Gerenciamento de Risco nas unidades de saúde. Os painéis de discussões foram fundamentais para sedimentar o resultado da capacitação através das discussões de estratégias e planos de ações com o fim de evitar eventos adversos que afetem a segurança do paciente, a saúde humana, a integridade profissional, o meio ambiente e a imagem institucional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: