Frade capuchinho mais idoso do Brasil tem 98 anos de idade e 80 de consagração

Frei Robertinho dedica seu tempo com orações, celebração da Eucaristia, ouvir confissões, estudar e traduzir textos

Frei Roberto Magalhães, mais conhecido entre os seus confrades como frei Robertinho, de 98 anos de idade, está celebrando 80 anos da sua consagração religiosa formalizada mediante a profissão dos votos de pobreza, castidade e obediência na Ordem dos Frades Menores Capuchinhos. No próximo 10 de setembro ele estará completando 99 anos de vida.
O frei mais idoso do Brasil entrou na ordem dos frades capuchinhos em 1934, aos 14 anos, e, em 1938, começou o noviciado em Esplanada, na Bahia. Em 1942 emitiu os votos solenes em São Luís, no Maranhão, e, em 1º de outubro de 1944, foi ordenado sacerdote no Santuário Coração de Jesus, em Fortaleza, cidade em que vive atualmente. Na casa que a congregação mantém na capital cearense, o frei Robertinho, ainda lúcido, dedica tempo a rezar, celebrar a Eucaristia, ouvir confissões, estudar e traduzir textos.
Ao longo da vida religiosa, ele foi assistente no seminário menor em 1945 e deu aulas de filosofia em diversos períodos entre 1946 e 1969, além de ter sido diretor dos estudantes de Filosofia em Guaramiranga e do curso científico em Parnaíba. Em diferentes cidades do Nordeste brasileiro, ele foi ainda vigário paroquial e pároco, bem como reitor do santuário São Francisco das Chagas e diretor do Colégio São Francisco, em Juazeiro. Fora do Brasil, chegou a passar um breve período como missionário em Angola, na África. (Com informações da Aleteia).

%d blogueiros gostam disto: