MEMÓRIA : José Teodoro Soares

No dia 28 próximo, completaria 76 anos o deputado Prof. José Teodoro Soares, reitor da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA) por 16 anos consecutivos. Prof. Teodoro nasceu em Reriutaba a 28 de dezembro de 1940 e faleceu em Fortaleza a 18 de agosto passado.

Estudou no Seminário São José da Betânia; em Roma frequentou a Universidade Gregoriana, habilitando-se em Teologia. Em 1966, mudou-se para Paris, onde licenciou-se em Ciências Políticas no Instituto de Ciências Políticas da Universidade de Paris e em Ciências Sociais. De volta ao Brasil, formou-se em Direito pela Universidade de Brasília (UNB). Era mestre em Administração Pública pelo Instituto Internacional de Administração Pública pela Universidade de Paris e livre-docente pela UVA.

Na década de 1970, de volta ao Ceará, ingressou na Universidade Federal do Ceará (UFC), fazendo parte da equipe que implantou o curso de Ciências Sociais. Participou, juntamente com um grupo de professores de Brasília, da implantação da Universidade Federal do Piauí. Foi morar na capital federal para participar do recém-criado Projeto Rondon. Trabalhou na Secretaria de Planejamento da Presidência da República, na elaboração de projetos especiais, passando em seguida para a Secretaria de Modernização Administrativa ligada à Secretaria de Planejamento da Presidência. Foi convidado para colaborar no Ministério da Educação, onde exerceu as funções de subchefe de gabinete do ministro Eduardo Portela e de secretário geral adjunto dos ministros Rubens Ludwig e Esther de Figueiredo Ferraz. Em 1986, retornou para o Ceará para fazer parte da equipe de transição do primeiro governo de Tasso Jereissati. No ano seguinte, assumiu a reitoria da Universidade Regional do Cariri (URCA), gestão de 1987-1990 a convite de seu criador, Martins Filho.Assumiu a reitoria da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA) em Sobral em abril de 1990 onde ficou por 16 anos. Estruturou a universidade para conseguir o reconhecimento pelo MEC. No período em que foi reitor, expandiu, multiplicou o número de cursos e de alunos da UVA que passou a funcionar nos três turnos e a contar com cursos importantes como Direito, Engenharia Civil e Enfermagem.

Era casado com a professora e historiadora Maria Norma Maia Soares que faleceu no dia 6 de julho de 2014, com quem tinha muitas afinidades, notadamente na questão educacional e cultural.

Recebeu da Assembleia Legislativa, em 2004, quando ainda reitor da UVA, a medalha “Otávio Lobo”, concedida ao educador ou instituição educacional que mais se destacou durante o ano. Após deixar a UVA, recebeu o título de Doutor Honoris Causa, pelos relevantes serviços prestados à instituição. Foi membro titular de 5 AcademiasLítero-Culturais. Em 2006, cumprindo uma vocação antiga e com o estímulo de amigos e correligionários, candidatou-se a deputado estadual pelo PSDB. A campanha foi o seguimento de suas atividades, resumido na frase “Porque tudo é uma questão de educação”. Com 40.791 votos, conquistou uma cadeira na Assembleia Legislativa, onde continuou o propósitodefendido na campanha: a militância sempre presente pelas causas da Educação.

Nas eleições de 2014, teve 39.376 votos, ficando na suplência, mas, assumindoo mandato de deputado estadual pelo PSD à Assembleia Legislativa do Estado do Ceará. Assumiu no dia a presidência da Universidade do Parlamento Cearense (Unipace) 17 de março de 2015.

Poucos dias antes de seu falecimento, por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), acolhendo o Recurso Especial interposto pelo ex-prefeito do Município de Horizonte, na Região Metropolitana de Fortaleza, José Rocha Neto (Rochinha), que mudou a composição da Assembleia Legislativa do Ceará, efetivando o então suplente Professor Teodoro (PSD).

Deixou diversas obras publicadas. Em Sobral integrava a Academia Sobralense de Estudos e Letras e a Academia Sobralense de Letras Jurídicas.

Destaque-se que ele foi um grande incentivador das ações da Diocese de Sobral e do próprio jornal Correio da Semana, onde mantinha coluna semanal.

Ao extinto homem público, nossas homenagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: