Missa solene com Dom Vasconcelos encerra festa de São Francisco

A missa solene de encerramento dos festejos de São Francisco em 2018 foi presidida às nove horas do dia 04 de outubro pelo bispo da Diocese de Sobral, Dom José Luiz Gomes de Vasconcelos, no Santuário São Francisco. Concelebrada pelo vigário geral Pe. Gonçalo de Pinho Gomes e pelo pároco da Catedral, Pe. José Lucione Queiroz de Holanda, contou com a participação em massa dos devotos que, durante a festa, foram convidados a serem instrumentos de paz e fraternidade. O tema da festa deste ano foi “Com São Francisco, instrumentos de Paz e Fraternidade.”
Com uma calorosa saudação, Dom Vasconcelos iniciou a celebração dizendo ser uma alegria estar reunido mais uma vez com os devotos de São Francisco para encerrar uma grande festa. Pelas várias paróquias que celebram o Santo, o que sempre lhe chama atenção é o grande número de pessoas que usam hábitos [roupas religiosas] franciscanos. “Significa que essas pessoas pediram uma graça e foram alcançadas. Vieram agradecer”, enfatiza ele. A presença e missão dos frades capuchinhos também foram mencionadas por Dom Vasconcelos: “Eles realizam um trabalho tão bonito na Diocese: acolhem, aconselham e ensinam o povo de Deus e os devotos de São Francisco”, aprecia ele.
A mensagem partilhada com a assembleia por meio do Evangelho foi introduzida na importância de estarmos próximos e ouvirmos a Palavra de Deus. “Como é bom ouvir a Palavra de Deus. Nosso Deus não é um Deus mudo. É um Deus que fala”, lembra o bispo. Celebrar São Francisco é observar um real exemplo de prática da Palavra de Deus: “Quando contemplamos um Santo da Igreja, contemplamos uma página viva da vivência da Palavra de Deus”, destaca Dom Vasconcelos.

Natureza
São Francisco possuía a sensibilidade de contemplar o universo, de considerar as criaturas como irmãos e irmãs e essa “era a maneira dele de meditar essa palavra”, aponta Dom Vasconcelos. Somos convidados a seguir o exemplo de despojamento, respeito com a natureza e fé que o jovem de Assis nos deu: “O mundo que Deus criou está sendo destruído por causa do ser humano, que se deixa levar pela tentação do demônio: polui água, meio ambiente e até o céu com satélites que poluem o espaço”, afirma o bispo.
A palavra de Deus que se realizou na vida de Francisco deve ser realizada na nossa vida, no nosso dia a dia. Francisco viveu em tempos politicamente conturbados. “O convite que Deus fez a ele continua restaurando a Igreja com seu testemunho de vida, seu voto de pobreza, castidade e amor pelas criações de Deus”, enfatiza Dom Vasconcelos. Assim, como São Francisco, devemos contemplar a natureza e as pessoas com o olhar de Deus. “A violência cresce a cada dia e nós não devemos combater violência com violência. Combatemos com amor ao próximo, testemunho de vida, acolhimento às pessoas. Sejamos páginas vivas do Evangelho; hóstias vivas colocadas no altar para serem transformadas em corpo de Cristo”, conclui o bispo.

Lucinalda Franca de Sousa, 36 anos, dona de casa
Devota de São Francisco há muitos anos, Lucinalda paga uma promessa que fez em Canindé em favor da mãe debilitada. Hoje, acompanha com o filho Francisco José de três anos os festejos do Santo com roupas marrons; assim introduz a criança na jornada por agradecimento de graças recebidas em suas vidas por meio de intercessão. “Ele nasceu com refluxo. Pedi a São Francisco e com um ano ele parou de tomar o remédio. Quando ele tinha um ano, ele usou o hábito. Esse ano, ele começa a pagar a promessa que fiz para ele. As graças que eu peço, alcanço”, enfatiza ela.

Francisco de Assis Paiva Venceslau, 60 anos, eletricista e bombeiro hidráulico
Com seu hábito religioso franciscano, o eletricista e bombeiro Hidráulico Francisco de Assis, assistia a celebração concentrado em seus agradecimentos. Dono de uma devoção fervorosa, diz possuir uma ligação de vida com o Santo: “Desde criança pago promessa. Minha mãe fez e eu decidi continuar por toda a minha vida. São Francisco só tem bons ensinamentos a nos repassar. Tenho muito apreço por sua história”, ressalta ele.

%d blogueiros gostam disto: