Quadra chuvosa: Ceará tem previsão de precipitações acima da média histórica em 2018

Expectativa é de que o centronorte do estado esteja acima da média histórica, enquanto o centrosul, dentro da normalidade

Teresa Fernandes

Jornalista

Correio da Semana

Após seis anos de chuvas abaixo da média, a expectativa é de que as precipitações no Ceará fiquem acima da média histórica na quadra invernosa em 2018. O período chuvoso, que vai até abril, tem 40% de probabilidade de estar acima da média. A previsão em torno da média é de 35% e abaixo da média, 25%. A expectativa é ainda que o centronorte do estado esteja acima da média histórica, enquanto o centrosul, dentro da normalidade. As informações foram divulgadas nesta quinta-feira, 22, pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). A coletiva contou com a presença do Governador do Estado, Camilo Santana.

A boa expectativa de chuvas não é garantia de que os reservatórios de água do estado todos sejam cheios este ano, de acordo com o presidente da Funceme, Eduardo Sávio Martins. “O cenário para fevereiro, março e abril é mais favorável que no ano passado com boa previsão de chuvas. Com relação ao aporte dos reservatórios, o ano pode ser chuvoso, mas não ser significado para o Ceará como um todo. Boa parte dos reservatórios estão secos”, explicou.

O Governador Camilo Santana destacou que apesar de uma probabilidade otimista de chuvas, é preciso seguir com as políticas públicas. “Importante compreender que temos uma maior probabilidade de chuvas este ano, mas isso não significa que vamos reduzir nossa preocupação. Vamos continuar mais firmes para garantir o abastecimento da população cearense”, disse. Santana lembrou que entre as ações foi feito um corte de 70% no uso da água para a irrigação, redução de 20% para a indústria e de 18% no consumo familiar através da tarifa de contingência.

Leia mais na próxima edição do Correio da Semana.

%d blogueiros gostam disto: