Caiu na rede…

Poucas-&-Boas---12.03Não é nenhuma novidade que coisas absurdas e degradantes ocorram em ano de eleições, tais como, promessas mentirosas, xingamentos, lavagem de roupa suja em público e até agressões físicas. Antigamente, isso só se comprovava na reta final de campanhas, e os agentes faziam às escondidas, de maneira camuflada. Hoje, mesmo sem nem ter começado o período de propaganda permitido por lei, já se assiste através da mídia ao “trailer” do que de podre vem por aí. E sem que nenhum dos artistas demonstre qualquer cerimônia ou temor da justiça. Não querem fazer graça, não, pois o palhaço quase sempre é o eleitor.

Virou moda alguns meios de comunicação serem utilizados para tentar mostrar que “este ou aquele é o melhor”. Mas no meu entendimento, querem mesmo é tentar identificar “quem é o menos ruim”.  As redes sociais, principalmente, estão sendo maldosamente usadas por alguns para atingir adversários, apelando-se para o covarde recurso da mentira ou das acusações apócrifas, ou seja, sem a validação do seu responsável (acusador). Por outro lado, já se observa também o uso de estratégias como ameaças, coação, retaliações e até penalizações de supostos adversários, coisa mesquinha de quem é destituído de argumentos para encarar uma disputa licitamente.

Para piorar, partidários cegos e membros da imprensa – os sem parcialidade e sem responsabilidade – completam o serviço: não apenas concordam com quem promove a baixaria como também levam adiante tamanho abuso. Dói notar que as redes sociais estão sendo usadas com frequência para tão nefasto fim, quando poderiam perfeitamente estar instruindo, educando e conscientizando o eleitor para votar bem.

Pena que vítimas ou testemunhas dos mais comprometedores fatos (calúnia, ameaça, coação, compra de voto, etc.) se recusem veementemente a assumir a condição de denunciantes por temerem represália ou algo mais grave. Lamenta-se, também, que a Justiça ainda não tenha desenvolvido uma estratégia ou dispositivo para chegar aos acusados de outra maneira, além da denúncia anônima. Ou, será que já dispõe, mas também teme como o cidadão comum?

Enquanto isso não ocorre, muitos lobos com pele de cordeiro continuam agindo, fazendo mau uso dos meios de comunicação, “estuprando” a mente de alguns comunicadores, roubando consciências e quem sabe, fazendo isso agora para roubar outras coisas depois. Mas apesar disso, insistamos em cumprir nosso papel de cidadãos preparando-nos para escolher bem. Busquemos a história de cada candidato; ouçamos o que se comenta deles; verifiquemos a credibilidade deles e a de quem fala sobre eles. Depois, analisemos se nosso futuro candidato figura na lista dos sérios, honestos, de bons propósitos e merecedores do voto. Se não figurar, despreze-o, denuncie-o, se possível. Mas cuidado: Denunciar, só com provas. Mãos à obra!


Mostre a cara!

Neste domingo (13) protestos pelo impedimento da presidenta Dilma Rousseff ocorrerão em todo o País. Que participantes e governo se escudem na ordem, no respeito, na educação e na prudência. Se um deles desobedecer, fica evidenciado que o ato não ocorreu por dias melhores para o País. Nada se resolve e vira bagunça. Vá lá!

 

Pela culatra

Na terça-feira (7), a ativista Jamie Gilt, defensora do direito ao porte de armas nos EUA, foi atingida por tiro disparado nas costas acidentalmente pelo filho de 4 anos. A arma semiautomática calibre .45 pertencia à mãe da criança e havia sido deixada (carregada) na parte de trás de sua camionete. Ignorância, fatalidade, descuido ou o quê?

 

Saiu da toca

Semana passada aqui sugeri que algumas entidades (CDL, OAB, Procon/Decon, Sindicatos) saíssem da toca e tentassem se aproximar mais da população e dos seus problemas. Hoje, louvo a peregrinação nesta semana da Comissão da Mulher Advogada da OAB/Sobral nas emissoras de rádio locais. E as outras (CDL, Procon/Decon, Sindicatos)?

 

Carência

Durante o mês de março a OAB realizará várias atividades voltadas para a Mulher. Que essas ações prossigam e que não se prendam apenas às datas comemorativas (Dia Internacional da Mulher), e que se estenda à população em geral, pois a carência de informação é grande.

 

Telecatch

Foi um programa de televisão da extinta TV Excelsior do Rio Canal 2. Fez tanto sucesso que virou Telecatch Montilla (TV Globo – 1967 a 1969) e, depois, Os Reis do Ringue (TV Record – anos 70). O italiano Mario Marino – Ted Boy Marino (1939/2012) fez daquele ringue parte do seu palácio real.

 

Telecatch 2016

Essa semana o programa foi relembrado na Câmara de Sobral, protagonizado pelos vereadores Rogério Arruda X Chico Joia. Que essa novíssima versão jamais alcance o sucesso da antiga. Do contrário, poderá ser relembrada a cena do fim do jornalista Deolindo Barreto. O palco, ou melhor, o ringue é o mesmo.

 

 

Minutos de Cidadania

Amanhã, no nosso Programa na Educadora, debateremos com Dr. Gerardo Soares o tema “ACESSIBILIDADE À JUSTIÇA”. Participe!

 

Primeiro Plano

Eu e muitos leitores lamentamos a saída de circulação no CS da apreciada Coluna “PRIMEIRO PLANO”, do Prof. Leunam Gomes. Mas a partir desta semana, todo sábado os leitores voltarão a saborear os escritos do afamado educador e escritor. Basta acessar nosso Blog:  www.artemisiodacosta.blogspot.com

 

Decisão própria? ou não?

Assim como eu, os demais leitores ficaram intrigados quanto aos motivos que levaram o Colunista a se ausentar do Semanário. De modo especial Leunam Gomes, que escrevia muito bem e tratava todos os temas com respeito, educação e equilíbrio. AVISO: O espaço está aberto para qualquer esclarecimento no nosso Blog.

 

Pérolas do Rádio

Dois colegas foram a uma empresa local e um deles disse ao empresário: “Nós viemos aqui receber o pagamento da propaganda”. Crítico ácido, o cliente questionou: “Você disse: nós viemos… ou nós vimos…”. Sem entender, o colega soltou: “Eu quero mesmo é receber o dinheiro agora, patrão.”
Domingo na Educadora (www.radioeducadora950.com.br)

Até amanhã, no Programa Artemísio da Costa na Educadora AM 950. Notícias, reportagens, curiosidades, entrevistas e a música de qualidade. Ligue e participe 3611-1550 // 3611-2496.

 

LEIA, CRITIQUE, SUGIRA E DIVULGE

www.artemisiodacosta.blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: