E assim se passaram dez anos…

Poucas & Boas - 19.03.16 - foto 1 tópico

O que você vai ler abaixo poderia até servir para eu me regozijar ao comprovar que infelizmente alguns dos meus textos escritos há três, seis ou dez anos permanecem atualíssimos, haja vista a falta de ação de quem poderia e deveria adotar as devidas providências. Mas prefiro lamentar que a situação relatada em alguns deles continue do mesmo jeito, quando não, em situação pior ainda. Senão relembremos uma tragédia que aqui noticiei há dez anos.

 

Lembram-se daquela sexta-feira, 24 de março de 2006? Pois vamos refrescar a memória: Naquele dia, às 22h30min, ocorreu a colisão de um trem carregado de cimento e um ônibus escolar que matou oito pessoas e deixou 32 feridas. Esses foram os primeiros números do acidente que aconteceu na passagem de nível da Av. Hermínio de Morais, em Sobral.

 

Gelo e nada mais. Na época, “especialistas em trânsito”, autoridades e alguns políticos locais, é claro, disputavam acirradamente espaços na mídia para prestar solidariedade às vítimas, questionar as causas da tragédia e prometer providências. Dentre elas, citaram desvio de trajeto, retirada dos trilhos, colocação de semáforo, cancela, redutor de velocidade (gelo baiano)… Mas até agora só o gelo. E nada mais.

 

Sem providências, a situação do trânsito já complicadíssimo de Sobral doravante só tende a piorar em algumas artérias movimentadas da cidade, como se comprova na Av. John Sanford, Rua Viriato de Medeiros, Rua Cel. Diogo Gomes, dentre outras. Além do trem da Transnordestina Logística S/A, antiga Companhia Ferroviária do Nordeste (CFN), hoje a cidade também conta com o Veículo Leve sobre Trilhos circulando. E a conturbação no trânsito é notória; e o aumento dos acidentes é crescente.

 

A persistência desse descaso termina incitando a população a sair da linha (da decência) para colocar nos trilhos quem tem o poder para já ter resolvido o problema, mas ainda não o fez. E que no próximo ano eu não tenha de aqui “manchetear” desta forma: “E ASSIM SE PASSARAM ONZE ANOS”. Pois até agora PRATICAMENTE nada foi feito para evitar o transtorno que os trens causam diariamente, bem como nada foi feito para tentar evitar que outros acidentes ou tragédias continuem a acontecer. Olhe, olhe o trem…

**********

Dia do Padroeiro

Comemora-se nesta sábado (19.03) o Dia de São José, esposo de Nossa Senhora e pai adotivo de Nosso Senhor Jesus Cristo. Seu nome vem do hebraico “Yosepf” significando “aquele que acrescenta”, “o que nasceu depois dos outros, Deus aumentou (com outro filho)”. Além de Padroeiro da Igreja Católica e do Ceará, São José também o é de vários municípios no interior, como Aquiraz e Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza, e Catarina, Granja, Missão Velha, Potengi e Ubajara.

Igreja e Trabalho

Pio IX, Giovanni Maria Mastai-Ferretti (1792–1846), depois de haver proclamado solenemente o dogma da Imaculada Conceição de Nossa Senhora em 08.12.1854, atendeu à solicitação do episcopado do mundo todo. Reunido no Concílio Vaticano I (08/12/1869 a 20/10/1870), ele também declarou o glorioso São José, Padroeiro da Igreja Católica em 8 de dezembro de 1870. Já no dia 1º de maio de 1955, na Praça de São Pedro, em Roma, o Papa Pio XII decidiu cristianizar o Dia do Trabalho, dando-lhe como santo protetor São José Operário. Com isto, a Igreja quis dar a este dia de ação e de festa – “A Festa do Trabalho” – uma dimensão de fé.

 Chove, chuva

Segundo a sabedoria popular, 19 de março é a última esperança do sertanejo quanto às perspectivas de um bom inverno. Conforme as chuvas já caídas, a as opiniões de meteorologistas e “profetas” não são unânimes. Apesar disso, que hoje caia muita água não somente para irrigar a plantação, encher os reservatórios e ratificar a profecia matuta.

 Gaiolas e gaiolas

Que essas águas também lavem e enxágüem a vergonha de homens públicos da região norte que, por irresponsabilidade ou interesse próprio, ainda têm permitido que pessoas mesquinhas e inescrupulosas continuem “toldando” com suas gaiolas as águas do açude Aires de Sousa (Jaibaras), em Sobral.

Peixinhos e peixões

Seria bem mais justo e lógico que os “peixões”, aqueles que estão lucrando de maneira imoral e ilegal com os peixinhos do Jaibaras, fossem obrigados a trocar o conforto de seus gabinetes e escritórios por “outro tipo de gaiolas” – o xadrez.

 E agora, José?

Depois que Carlos Drummond de Andrade, em 1942, escreveu o poema “JOSÉ?”, o verso inicial “E AGORA, JOSÉ?” transformou-se em frase de efeito para indicar situações de aflição, de crucial interrogação. Quem acompanha os noticiários deve estar repetindo mentalmente a frase de Drummond, numa alusão ao imbróglio criado depois da Operação Lava Jato, iniciada há dois anos: “lavagem de roupa suja”, insultos, ameaças, veiculação de apócrifos nos meios de comunicação conturbando ainda mais o problema. E podem aguardar: vem por aí mais muita baixaria.

… É melhor calar

Ultimamente, por falta de formação ou excesso de maldade, muitas pessoas vêm espalhando inverdades ou comentando fatos da política sem o mínimo de base e de equilíbrio, colocando leitores e ouvintes diante de uma verdadeira Babel. Que todos devem se inteirar da situação, isso é obrigação. Agora, tecer comentários, fazer avaliações nem tanto. Vale o velho ditado: Se é de dizer besteira…

Animal político

Faz-se “urgente, urgentíssimo” agir para se mudar a mentalidade dos que recusam ser “animal político” e permanecem apenas como “animal”: nada questionam, nada protestam, nada falam e tudo aceitam servilmente. A receita? Inteirar-se dos acontecimentos através de fontes fidedignas e, por precaução, buscando mais de uma. Só assim, o cidadão passará a ser verdadeiramente um “animal político”.

 Minutos de Cidadania

Amanhã estaremos debatendo “ACESSIBILIDADE À JUSTIÇA” com o advogado Dr. Gerardo Soares. Tire suas dúvidas.

 Domingo na Educadora (www.radioeducadora950.com.br)

Até amanhã (10h), no Programa Artemísio da Costa na Educadora AM 950. Notícias, reportagens, curiosidades, música de qualidade e entrevista.  Participe: 3611-1550 //3611-2496.

 

LEIA, AVALIE, CRITIQUE E SUGIRA

www.artemisiodacosta.blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: